SEGUIDORES

ARGUMENTANDO SOBRE FALÁCIA SOCIALISTA SOBRE RIQUEZA E POBREZA.




10 MAIORES RICOS DO MUNDO e os 10 MAIORES DO BRASIL:


Não vou nominar um a um, mas é só ver no link. TODOS SÃO EMPRESÁRIOS, quer dizer, geram riqueza (empregos e oportunidades), além da maioria ser filantropo (distribui riquezas para entidades pobres).

Demonstra a falácia esquerdista que OS RICOS provocam a pobreza da maioria.
Por outro lado, vamos ver os líderes SOCIALISTAS RICOS (dinheiro do ESTADO). Estes sim, PRODUZEM POBREZA E ATÉ ESCRAVIDÃO.

Nem vou me alongar, é simples de se ver e entender. Poderia citar um monte de SOCIALISTAS brasileiros, que insistem na distribuição da RIQUEZA DOS OUTROS, as deles.... principalmente no meio artístico.

UMA MENTIRA REPETIDA MIL VEZES........ CONTINUA SENDO MENTIRA...




Aquela história que uma mentira repetida mil vezes, torna-se verdade..... É UMA MENTIRA...

Poderia repetir dez mil vezes, iria continuar uma MENTIRA.

Segundo minha ótica, UMA MENTIRA REPETIDA MIL VEZES, virá mimimimimimimimim ( MEME, FRASES PRONTAS, CLICHÊS, ETC.).

Engraçado, que a personalidade de ideológicos esquerdistas, FALAM SEMPRE A MESMA COISA (sempre o mesmo mimimimimimimm). Parece um CORAL.....

TIRO NA MOSCA!




Bem acertado e sinal que este governo está atento a tudo.

Quero parabenizar, pois duas situações que sempre critiquei, agora o governo está tomando medidas.

A primeira, é sobre os CONSELHOS (PEC/2018/2019). Para embasar, seria bom ouvir a classe (talvez de forma anônima, infelizmente a maioria têm medo de falar e de se expor). Eu deixo meu recado abertamente, sem receio.

A exemplo dos Sindicatos (um cancro FORA), é só ver a construção das sedes de Conselhos e ver a suntuosidade das unidades. Tem Conselho que cobra anuidade tanto do profissional como da empresa, ou, se for autônomo, também como AUTÔNOMO. Como as pequenas empresas, precisam conhecer os pequenos escritórios e tirar da cabeça que contadores são elites, que ganham rios de dinheiro (NÃO É VERDADE).

Os Conselhos, segundo minha ótica, não deveriam ser um “carrapato” nas costas do ESTADO.

A segunda (apenas ouvi notícia), mesma situação dos Conselhos (um CARRAPATO...rsrsrs), seria as AGÊNCIAS REGULADORAS. Pelo menos em duas que tive discussão (luz e telefonia), posso afirmar (e provar, tenho arquivos guardados) que elas existem não para defender o consumidor, mas servem para defender AS CONCESSIONÁRIAS. Então, se não atendem A FINALIDADE, por que existir? Deixe então para o PROCON, PROTESTE, RECLAME AQUI, MÍDIA/NET, etc.

Insisto que deveria ouvir quem é afetado (o povo, consumidor, profissional), porém, na minha jornada (6.5) cansei de ver que a maioria absoluta são: OMISSOS, MEDROSOS, ÁULICOS etc.

MOACYR LUIZ DA SILVA
Microempresário em Colombo-PR.


"O conformismo é carcereiro da liberdade e inimigo do crescimento." (John F. Kennedy)




UMA FÁBRICA DE FAZER DINHEIRO.



UMA FÁBRICA DE FAZER DINHEIRO.

Enquanto o governo atual está preocupado com a desburocratização, que só onera e dá margem para corrupção (compra facilidades.....rsrsr), a preocupação também do SEBRAE, em relação a pequenas empresas, peço especial atenção (e investigação) no que se refere a CERTIFICADO DIGITAL X CERTISIGN. Envolvo também o CFC para comparar os preços com a OAB, CRM e outros.

A partir deste mês (agosto/2019), passa a ser obrigatório o uso do certificado digital E-CPF para sócios de empresas.

Pesa e pesa muito para o pequeno empresário pagar o certificado PJ e agora mais PF? Quem afinal de contas protege as pequenas empresas? (a que mais empregam).
A começar das obrigações acessórias e formais, que nivelam como toda empresa (SEMPRE PELAS GRANDES EMPRESAS), tenho esperança que isto possa mudar.
Não sou contra ao Certificado Digital, isto facilita em muito para empresas, contador e, em especial, PARA O GOVERNO (é só comparar com um passado não muito distante.... hoje o contador trabalha para o governo....). Sou contra o custo que deveria ser revisto, em especial PARA AS PEQUENAS EMPRESAS.
Vamos lá:
Para ADVOGADOS e MÉDICOS, o certificado custo em torno de R$ 150,00 para três anos. Acho um valor justo PARA TODOS, em especial PARA PEQUENAS EMPRESAS. R$ 150,00 (parcelado) e para três anos? SERIA O IDEAL.
O empresário com o e-CNPJ e e-CPF, para validade de apenas um ano, vai pagar o que paga um advogado para mesma finalidade com prazo para TRÊS ANOS. Algo está muito errado aqui.
Alguém me ajude a calcular quantas empresas + profissionais liberais e PF’s utilizam no Brasil. Multiplicar pelo preço médio, daí me conte qual o resultado e quem fica com a parte do LEÃO deste valor.... (vou ajudar na conta abaixo...rsrsrs).

No site https://g1.globo.com/economia/pme/pequenas-empresas-grandes-negocios/noticia/2019/02/03/brasil-tem-20-milhoes-de-empreendimentos-no-brasil.ghtml, diz ter 20 milhões de empresas. Considerando só o e-Cnpj e na média R$ 150,00 (tem valores bem maiores), nesta conta da (20.000.000 x R$ 150,00 = 3 bi ANUAL), não estou considerando o E-OAB + E-CRM e o E-cpf.

SINCERAMENTE, acho que tem muita gordura para queimar e BENEFICAR O PEQUENO EMPREENDIMENTO.

Estou me baseando na compra comum, pois existe três formas de ter o certificado: Com Token (não vale a pena, já o Token desatualiza); no cartão com a leitora (além de sair mais caro, leitora à parte), também não vale a pena, danificou o cartão, PERDEU. O recomendado, pelo que tenho acompanhado, é o instalado no PC e o A1.

Além da “tal gordura”, gostaria de saber o diferencial de atividades (Advogados, médicos e contadores). Sejam sinceros, tem a ver com a classe representativa (Conselho)?

Site para pesquisa e comparação de preços:

CERTISIGN

MOACYR LUIZ DA SILVA
Microempresário
Colombo – PR

07/08/2019

INSCREVA-SE NO CANAL



A ÚLTIMA PALAVRA, SEMPRE É A MINHA...