SEGUIDORES

A CULTURA EM COLOMBO - PR


Ótimo, tem todo meu apoio. Parabéns, Silvio Kurzlop! Colombo, dos anos 80 para cá, mudou muito e para melhor. Temos que considerar a DIVERSIDADE CULTURAL (observar qual a população até 1980 e a população em 2014. Observar também, no mesmo período, a questão de arrecadação tributária (quem sustenta o município).
Não podemos esquecer o passado, nem o ANTERIOR (época dos portugueses e índios), muito menos DESPREZAR o que veio "depois". Moro aqui desde 1982, também faço parte da "história" da cidade que gosto muito e adotei como minha terra (TAMBÉM). Acredito seja este o maior motivo da cidade REALMENTE SER DIVIDIDA. O "velho" não aceita o "novo"... A história se repete, aliás, sempre foi cíclica. Chance de ter sido desmembrada teve e não foi considerada ou aprovada (como puder CONSIDERAR...) e foi exatamente por administradores do "antigo". Então porque não considerar OUTRAS CULTURAS? Outros povos? Na época, várias cidades bem menores, se separaram. Não estou defendendo aqui a separação, apenas alertar que Colombo teve dono cultural em um momento (quase um século). Isto mudou, aceito ou não. Ora, eu sou 50 % de origem italiana, mas não esqueço que tenho também mais três genéticas (para completar o restante de 50 %). Não sou somente 50 % pessoa, sou 100 %. Enfim, eu acredito na luta do Silvio e quero, mais uma vez, dizer que estou do seu lado, que você sabe não ter nenhuma ideologia política. Aliás. Fica um recado para não deixar questões políticas e políticas-ELEITOREIRAS, se infiltrar em uma questão tão GRANDE (e desvalorizada...) que é a CULTURA. Talvez por isto, foi relegada a segundo plano, até o presente momento. Não estou falando da administração desta ou daquela época, pois os cargos são transitórios. Quando se fala de funcionário público, concursado, muda de figura. Administrações diversas passam, os concursados permanecem como SERVIDORES PÚBLICOS, que aliás, deveriam cumprir com a definição de SERVIRDOR PÚBLICO... Ter interesse como um todo, não por interesse pessoal ou de uma classe, principalmente recebendo do que é produzido POR TODOS MUNÍCIPES E CONTRIBUINTES. Fica o recado!

EU TAMBÉM SOU DE COLOMBO... Moacyr

Segundo minha ótica, quem pensa nOS DAQUI e nOS de lá, deveria então se posicionar de vez quanto a separação...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

INSCREVA-SE NO CANAL



A ÚLTIMA PALAVRA, SEMPRE É A MINHA...